Sites Grátis no Comunidades.net
Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Google-Translate-Portuguese to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese

Rating: 2.6/5 (3809 votos)



Partilhe este Site...

 Faça parte do site.
Cadastre-se ou faça o Login

 

 


Pagina Inicial

Fique ligado: 5 sinais de que está na hora de trocar o seu roteado

m o passar dos anos e com a disseminação da internet nas casas, o roteador se tornou uma espécie de super-herói da conectividade para mais de 118 milhões de latino-americanos que possuem conexão em suas casas. Além de cumprir a função principal de conectar todos os membros da família a uma única rede, ele também é um importante aliado em termos de segurança, educação, entretenimento, produtividade e qualidade de vida para as pessoas.

Apesar de o roteador ser muito importante hoje em dia, uma vez que ele é o equipamento responsável pela disponibilidade do sinal da rede WiFi, muitas vezes ele fica esquecido no cantinho da casa, com mais de cinco anos de uso, oferecendo tecnologias já obsoletas. Portanto, é muito importante que esse dispositivo acompanhe a evolução tecnológica que temos disponível atualmente.

Será que já está na hora de trocar o seu roteador?

Fique de olho

"Se houver um roteador com vários anos de uso em uma casa, este pode estar ultrapassado para atender às necessidades atuais, causando lentidão ou problemas de sinal. Com o uso cada vez mais massivo de smartphones e tablets, bem como o aumento do consumo de streaming de filmes, substituir o roteador antigo é fundamental para que a experiência WiFi dos consumidores possa se adequar a esta nova realidade. Problemas de lentidão não estão apenas relacionados ao link de internet, mas também ao roteador antigo", explica Rodrigo Paiva, gerente de produtos da D-Link América Latina.

Problemas de lentidão não estão apenas relacionados ao link de internet, mas também ao roteador antigo

Para evitar problemas de conectividade e ter uma melhor experiência ao utilizar a internet em casa, a D-Link recomenda a substituição dos roteadores domésticos a cada dois ou três anos. Abaixo, listamos cinco situações que apontam que você deve trocar seu roteador, considerando o equipamento ideal para cada tipo de necessidade.

1. Rede WiFi lenta

Se você notou que sua conexão com a internet não está muito rápida, mesmo após contratar um serviço de mais de 5 Mbps junto à sua operadora, é possível que você esteja tendo problemas com seu roteador. Para melhorar sua experiência de navegação, recomendamos que você adquira um roteador com uma tecnologia mais recente, considerando todas as marcas disponíveis no mercado.

A internet lenta é um dos sintomas de que está na hora de dar uma olhada no seu roteador antigo

 

2. Problemas no alcance de sinal

Para quem mora em uma casa grande ou em um apartamento antigo com paredes grossas e tem problemas com o sinal de WiFi, além de contar com um roteador com a tecnologia 11AC, a solução pode ser complementada por um extensor de sinal Powerline. Os kits Powerline, compostos por um repetidor e um adaptador, ampliam por meio da rede elétrica o sinal até o ambiente onde o sinal é fraco.

Os kits Powerline ampliam por meio da rede elétrica o sinal até o ambiente onde o sinal é fraco

Além de inovadores, eles têm fácil instalação. Basta ligar o adaptador do kit em uma tomada elétrica próxima ao roteador wireless e conectá-lo ao roteador com o cabo de rede que acompanha o kit. Em seguida, é só plugar o repetidor WiFi Powerline em uma tomada elétrica no ambiente em que se deseja ampliar o sinal. A performance é até quatro vezes maior que a de um repetidor convencional.

3. Vários dispositivos conectados à rede

Quando há vários dispositivos conectados ao mesmo tempo na rede WiFi, a velocidade de conexão diminui e o problema se agrava se o roteador é antigo ou tem velocidade abaixo de 300 Mbps. Outro fator que interfere não é apenas o número de conexões, mas o uso que cada uma das pessoas da casa faz da rede.

Há um roteador ideal para cada tipo de necessidade, além da cobertura desejada. Confira abaixo as recomendações de produtos da marca D-Link de acordo com a metragem do ambiente, link de internet e dispositivos conectados. Para outras fabricantes, consulte o site oficial de cada empresa para identificar os modelos específicos para atender as suas necessidades.

 

 

Precisando de um roteador novo? Confira qual é o ideal para você

Precisando de um roteador novo? Confira qual é o ideal para você

4. Falta de segurança

É possível que um roteador com vários anos de uso não disponha das ferramentas necessárias para cuidar de seus dados e de sua privacidade. Alguns dos roteadores 11AC contam com a funcionalidade de nuvem (cloud), que permite, por exemplo, ver quem está conectado à sua rede, acessar o seu histórico de navegação e, inclusive, bloquear páginas que não deseja que sejam acessadas por seus filhos.

5. Interferências na rede

Nem sempre a operadora ou provedora que fornece banda larga é culpada pela conexão estar lenta. O problema pode estar no roteador antigo, que, além de não ter a velocidade e o desempenho necessários para atender as demandas, utilizam como padrão apenas a banda de 2,4 GHz.

O ideal, para garantir maior tranquilidade, é evitar interferências com aparelhos como o microondas e o telefone sem fio e procurar roteadores que operem, além da banda de 2,4 GHz, com 5 GGz – são os equipamentos chamados "dual band". Essa frequência é mais ampla e conta com 23 canais que não se sobrepõem.

 

Com um roteador novo, você vai desfrutar de uma navegação ainda mais rápida

.....

 

Tem um iPhone? Descubra se ele é compatível com o iOS 10

Notícia atualizada 26/06 ás 13:11

 

iOS 10 foi o destaque da apresentação daApple hoje (13) durante a WWDC 2016. Novos recursos foram apresentados, mudanças no design foram mostradas.

A parte triste de novas atualizações é que aparelhos mais antigos começam a ser "deixados de lado" pelas fabricantes, como um ciclo natural. No caso, a Apple oferece uma lista de quais iPhones vão rodar o iOS 10.

Se você tem um iPhone 4s ou anterior, está na hora de considerar a compra de outro aparelho — isso porque o iOS 10, com todas as atualizações de segurança, não vai rodar no seu smartphone.

O iOS 10 chega em setembro e, caso você tenha um gadget com o sistema operacional, pode conferir aqui embaixo para ver quais produtos vão rodar com o novo iOS:
  • iPhone 5 ou superior
  • iPad mini ou superior
  • iPad Air ou superior
  • iPad de quarta geração ou superior
  • iPad Pro
  • iPod Touch de quinta geração ou superior

 

Dispositivos suportados

 

Fonte da matéria